Identidade digital e perfis do autor

A correta identificação da autoria das contribuições científicas é fundamental para a  comunicação científica. Os sistemas de perfis de autores, que podem conter ou não identificadores,  garantem a adequada vinculação dos investigadores com sua produção científica.

Identificadores:

Os identificadores de autor (Ids) são códigos numéricos e alfanuméricos que permitem uma identificação inequívoca, pessoal e permanente dos investigadores dentro de um ecossistema de I&D nacional ou internacional.

Scopus Author ID: Identificador internacional de autores académicos e científicos de Scopus. Esta é considerada o maior base de dados de resumos e citações de literatura científica, a nível mundial. Conecta-se ao ORCID para a importação de dados. Com o Scopus Author ID é possível aceder a várias métricas da atividade científica de um autor, como citações e o índice H. Pertence ao grupo Elsevier.

(Web of Science ResearcherID) Identificador alfanumérico internacional de autores científicos. Foi criado em 2008 pela Thomson Reuters, na atualidade é do grupo Clarivate Analytics. O Researcher ID é o identificador utilizado na Web of Knowledge, plataforma na que se integra o Web of Science. Permite a gestão do perfil curricular e de um conjunto de serviços, incluindo a criação de um perfil de métricas, citações recebidas, rankings de autoria e métricas de coautoria.

Código alfanumérico de 16 dígitos na forma de uma URL, que identifica exclusivamente investigadores a nível internacional. Contém um perfil com dados do currículo dos investigadores. O ORCID foi criado em 2012, baseado em um protótipo anterior lançado pela Thomsom Reuters. Atualmente é um sistema aberto, sem fins lucrativos amplamente implementado na comunidade científica internacional. Funciona com base na interoperabilidade, para o que mantém amplos acordos com editoras e com sistemas nacionais como o Ciência ID.

Identificador de autores científicos de instituições portuguesas. O Authenticus é um projeto desenvolvido na Universidade do Porto e no CRACS/INESC TEC, cofinanciado pela FCT, que visa a construção de um repositório nacional de metadados de publicações da autoria de investigadores de instituições portuguesas.

Identificador oficial do ecosistema português de I&D, inclui um perfil curricular. O Ciência ID é desenvolvido e gerido pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). Integra informação de várias plataformas de universidades e entidades portuguesas, facilitando a atualização dos dados.  O Ciência ID fornece acesso a outros serviços como Ciência Vitae(Ciência Vitae e conecta-se com outros identificadores, como ORCID..

Perfil de autores sem identificador

Perfil de autor de alcance internacional, que põe à disposição e facilita o intercâmbio de documentos científicos de diversos tipos (artigos, capítulos de livros, apresentações, projetos, entre outros ) de mais de 20 milhões de investigadores procedentes de mais de 190 países. É uma rede social acadêmica, usado em métricas alternativas foi criada em 2008 pela empresa ResearchGate GmbH.

Plataforma que permite a partilha de resultados de investigação, através da criação de um perfil de autor. Fundado em 2008 pela empresa Academic.edu, possui mais de 40 milhões de textos científicos disponíveis. Esta é utilizada em métricas alternativas ou altimétricas.

O perfil de autor do Google Académico inclui as publicações científicas de cada investigador , das suas citações e o acesso aos textos. Inclui métricas de autor, como H-Index e i10 Index. Este é utilizado em métricas alternativas ou altimétricas.